Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2010

Da tempestade um Culto...

Da tempestade um Culto
“Firme está o meu coração, ó Deus, o meu coração está firme; cantarei e entoarei louvores...” (Salmos 57. 7)
Existe uma maneira que se deixa apresentar na vida daqueles que conhecem a Deus, onde é comum se fazer da tempestade um culto, para algumas pessoas viver perdeu o seu sentido, não há poesia, não há canções, não há brincadeiras com os filhos, não há risos que preencha a lacuna de existir como se existir fosse uma lacuna. Não há esperança que sente no cais à espera de dias felizes, apenas tempestades.
Davi por vezes sentiu-se dessa forma, tempestade, solidão, perseguição... No salmo 57 entramos na mesma caverna com o Poeta perseguido pelo rei Saul, nessa caverna fria e suja (a meu ver) aprendemos algumas lições que se permitem quero escrever-los
I) Tempestade se torna culto: Quando mantemos nosso relacionamento com Deus independente de estarmos em um ambiente religioso ou não. (Salmo 57.1-3)
Não era um templo, não era um tabernáculo, era uma caverna! Estou can…

Tamanho

Tamanho

Se ali estivesse,
No meio da multidão,
Teria também gritado
Para que o crucificasse.

Mas na verdade,
Ali estava
E meu lugar,
Você tomou!

Aquela coroa de espinhos,
Tinha o tamanho da minha cabeça,
Tinha o tamanho de minha dor,
O tamanho de meus pecados.

Era o meu lugar,
Eram os meus Cravos,
Era a minha pele rasgada,
Mas foi o teu amor.

Sucesso

I
Satisfeito com o teu riso,
Descobri o sentido do sucesso,
Sucesso não é estar em outdoors,
É ver grandeza no pequeno.

II
É saber que os frutos virão,
Mesmo sendo outono.
É conhecer países,
Mas sempre ter uma bela desculpa,
Para voltar pra casa.

III
Ter uma esposa para chamar de sua,
Filho para brincar descalço,
Experimentar sabores e ainda assim;
Não esquecer o café da mamãe.
IV
Sucesso não se confunde com
O fato de ser rico,
Significa uma sucessão de realizações:
Simples.

V
É olhar o mundo com a lente da simplicidade,
Ser grato a Deus,
Por aquilo que ele é.

VI
Sucesso é enxergar o problema
Como uma oportunidade para:
AMADURECER.

VII
É represar no coração,
A esperança de um amanhã melhor!
É pertencer ao Reino,
Amar isto hoje,
Mais que ontem,
Pois o ontem:
Passou veloz.

Marcelo Edu. Oliveira

Vestido Azul

Este texto foi discutido na Reunião da Global Youth Network em Manaus, Autor desconhecido.

Vestido Azul:
Num bairro pobre de uma cidade distante, morava uma garotinha muito bonita.
ela frequentava a escola local.
Sua mãe não tinha muito cuidado e a criança quase sempre se apresentava suja. suas roupas eram muito velhas e maltratadas.
O professor ficou penalizado com a situação da menina. como é que uma menina tão bonita, pode vir para a escola tão mal arrumada? Separou algum dinheiro do seu salário e embora com muita dificuldade resolveu lhe comprar um vestido novo.
Ela ficou linda no vestido azul.
Quando a mãe viu a filha naquele lindo vestido azul, sentiu que era lamentável que suas filha, vestindo aquele traje novo, fosse tão suja para a escola.
Por isso, passou a lhe dar banho todos os dias, pentear seus cabelos cortar suas unhas.
Quando acabou a semana o pai falou: Mulher você não acha uma vergonha que nossa filha sendo tão bonita e bem arrumada, more em um lugar como este, caindo aos …

Onde estás pequeno?...

"Em verdade vos digo: quem não receber o Reino de Deus como uma criança, de maneira nenhuma entrará nele"(Marcos 10. 15)

Onde estás você meu eu criança,
que não mais alcança meu quintal?

Que não suja a roupa do varal,
que não tem medo de brincar,
em Cristo sei que posso achar.

O pequeno que o mundo escondeu,
a impureza cegou,
o adulto roubou.

Não digo de ser um Peter Pan,
que vive com medo de crescer,
nunca sai da terra do nunca.

Digo do não ser adulto seco,
do riso modesto,
e choro contido.

Espero ter Jesus contigo,
rever o pequeno,
a quem deste abrigo.

(escrita no dia 30 de Agosto 2010)